quarta-feira, 2 de junho de 2010

À luz do IMPOSTÔMETRO

Essa maquininha, programada pelos interesses de alguém, acaba de prestar um belo serviço às mentes brasileiras isentas de cor partidária.

REFLITAMOS:

O impostômetro acusou hoje que os brasileiros pagaram até aqui mais de 500 bilhões de reais em impostos. Média mensal de 100 bilhões de reais.

O IBGE divulgou recentemente que a população brasileira passou de 190 milhões de pessoas. Arredondamos para 200 milhões, apenas para facilitar o cálculo.

R$ 100 bilhões repartidos em 200 milhões de pessoas dará R$ 500,00 por cabeça.

Uma família média brasileira tem algo ao redor de três pessoas, ou um pouco mais. Ficaremos com três.

Então, uma família brasileira pagou neste ano, por mês, R$ 1.500,00 de impostos.

Estes impostos representam 38% de tudo quanto foi produzido, de acordo com os donos da maquininha, arredondamos para 40%.

Se R$ 1.500,00 são 40%, 100% são R$ 3.750,00, que é a renda média de uma família brasileira, conforme acaba de nos revelar o impostômetro.

190 milhões divididos por três, resulta em pouco mais de 63 milhões, que deve ser mais ou menos o número de brasileiros empregados.

Cerca de 2/3 das famílias brasileiras vivem com até dois salários mínimos, pouco mais de mil reais... atentem, até 2 salários mínimos! Muitas ganham menos de um salário mínimo.

Mas, de acordo com o impostômetro, a renda média da família brasileira é de R$ 3.750,00.

ALGUMA COISA ESTÁ ERRADA NISTO!

Ou, então, o impostômetro não me deixa falando sozinho...

Pouquíssimos ganham muito; muitos, muito,... e isto acaba puxando a média para quase quatro mil reais.

Bendito impostômetro, proporcionaste-me estes cálculos e a conclusão que, de fato, o Poder Econômico ganha muito dinheiro às custas dos trabalhadores, ou, então, prezada maquininha, os teus programadores têm outras intenções, que não mostrar a verdade!

5 comentários:

  1. Nossa cara fazendo essas reflexões numéricas, apesar de sabermos que não é bem assim que chegamos aos numeros... mesmo assim ficamos impressionados!

    O grande problema é que o imposto está embutido em tudo, e é imposto sobre imposto o que vai gerando um ônus para qualquer produto, serviço etc.

    Agora, em pensar que todo esse dinheiro não garante, saúde, educação e segurança... que é a base da sociedade... tenho a dizer...

    Vergonha Brasil!

    abçs

    ResponderExcluir
  2. E o pior de tudo é que não vemos os resultados de tantos impostos, que deveriam ser revertidos em benefício da população. Lamentável.
    Um abraço

    ResponderExcluir
  3. Olá,
    Uma vez mais, quero dizer que não sou a favor dos impostos, mas, sim, contra as mentiras que estão por traz desses que se valem desse absurdo para posarem de bons moços...
    O problema maior chama-se LUCRO ABUSIVO.
    De onde saem tantos caixa-dois?
    De onde sai tanta grana para sujar as ruas em épocas de eleições?
    Por acaso não são os mesmos que estão por traz dessas críticas quem financia as campanhas eleitorais? Ou seja, amiguinhos se criticando, dentro da máxima de Maquiavel "dividir para imperar"!
    Saúde e felicidade.

    ResponderExcluir
  4. (¯´•.(¯´•.(¯´•.(¯´•..•´¯).•´¯).•´¯).•´¯)
    ¸.•´¯´•.¸¸.•´¯´*•*´¯´•.¸¸.•´¯´•..

    oieeee!!!

    passando rapidinho para ver as novidades!
    e desejar uma ótima semaninha!

    =D

    ●๋• ●๋•
    ●๋•☆ViViAn\\(^_^)// Sbrussi
    ●๋• ●๋•

    ResponderExcluir
  5. Oiee...obrigada por sua visita e um lindo final de semana!
    Beijos

    ResponderExcluir